quinta-feira, 18 de fevereiro de 2010

A gente nunca sabe quando está vivendo um momento inesquecível.

 Tem uma série de coisas que eu trago comigo e que pra mim, são inesquecíveis. Não falo das conquistas sociais que se espera que todo ser humano tenha, como atingir a maioridade, acabar o colégio e nem nada desse tipo. Eu falo de algo muito maior e muito mais intenso do que isso, algo que surge, espontaneamente, dentro de si, com força tamanha pra não ser capaz de se alterar por nada.
 Um abraço, um entardecer, um cheiro, um olhar. Aquela risada que você deu com os amigos ou aquela vez que você chorou copiosamente e alguém, mesmo sem entender, te apoiou. Aquela conversa que surgiu despretensiosamente num dia de semana e que significou tanto pra você. Ou mesmo aquele dia em que palavra alguma foi dita, mas que nada, seria melhor que o silêncio. Pessoas, palavras e sentimentos.
 Existem momentos que eu jamais vou esquecer. Não são momentos extraordinariamente bem elaborados, mas são momentos que na simplicidade de serem, espontaneamente se tornaram especiais. Se me perguntassem hoje, o que eu sou, talvez diria apenas isso: o resultado e consequência de infindáveis e inesquecíveis momentos.

3 comentários:

Giulia disse...

aah por que voce nao gostoou? eu adorei! eu disse que vindo de você ficaria legal!

Emanuella disse...

ficou perfeito, acho que quando percebemos isso a vida se torna mais especial.

skrotozz disse...

muito legal
http://albertozz.tumblr.com/