quinta-feira, 27 de novembro de 2008

Sobre galinhas.

O blog tá maduro. Coincidentemente meu último – e finado – post foi sobre aniversário e no dia 10 de Novembro o blog fez 1 ano. 1 ano! Vejam vocês, quando comecei, despretensiosamente, queria um blog que falasse de coisa séria mas sem perder a espontaneidade. E foi essa a minha meta ao longo desse 1 ano, falar de política sem perder o humor, falar de religião sem perder o senso, falar de qualquer coisa, de forma intensa mas sem ser necessariamente aquele papo cabeça chato. Talvez fosse isso que eu queria, mesmo sem saber. Levar o papo cabeça de forma simplificada a todo mundo que tivesse um computador, tempo livre e paciência. Sem falsa modéstia, só a paciência farão vocês lerem esse post, já que estou a um longo tempo sem postar nada e imagino que a maioria de vocês que outrora foram assíduos, estão agora com um certo desdém, achando que eu vos esqueci e que esqueci também do blog. ( Essa é pra você Felipe, que não comenta e pede atualização )
Dito isso, vou ser breve e escrever só uma observação que a um tempo atrás muito me impressionou. Perdoem a ingenuidade, mas eu descobri que coração de galinha – aqueles de churrascaria – é coração de galinha de verdade! Desculpe aos que tudo sabem e vão ridicularizar minha descoberta, mas isso realmente me transformou. Agora, vejo as churrascarias de um outro modo. Pensem comigo: Quantos espetinhos de coração de galinha são servidos por dia? E quantos corações de galinha cabem lá?
Suponhamos que num espeto de churrascaria, aquele que o garçom vem nos servir - digo em churrascarias rodízio – devem caber 30 corações de galinha. Se o garçom servir 3 espetos por dia, darão 90 corações sendo consumidos diariamente. Mantendo o fluxo, no final da semana serão 630 corações e no final do mês serão 2520 corações. Seguindo a teoria, no final do ano serão 30,240 corações de galinha consumidos. Trinta mil duzentos e quarenta corações de galinha. Isso quer dizer que existem trinta mil duzentos e quarenta galinhas a menos no mundo. E isso porque eu levei em consideração apenas uma churrascaria!
O que o Ibama tá fazendo olhando a Mata Atlântica? Não tem nenhuma ONG pró-galinha?

Daí só posso tirar uma conclusão: Ou as galinhas tem 4 corações ou estamos prendendo ladrões de banco quando na verdade deveríamos estar prendendo os donos de churrascaria. Ou os donos de granja. Vai saber...

6 comentários:

Herman disse...

É feio roubar idéia do texto dos outros Yke.
Já disse.
(SIM, ESTOU FALANDO DO MEU TEXTO DOS MITOS INFANTIS, SEU TOLINHO)

Giulia disse...

Vou comentar só porque você disse que eu teria homenagem. Por sorte não fui homenageada num texto sobre galinhas , vai saber o trocadilho .
Apesar do seu 7, você continua escrevendo bem. Não se canse.

=) Hahahaha, to brincando.

Vê se continua atualizando, porque é um parto.
Legal é que neguinho vem comentar falando que você imitou , vai entender. Querendo tirar seus méritos alá.

Beijos amigo do relógio de chiclete.

Felipe disse...

Hahahaha
finalmente você posto aqui.
nada mais a comentar, como sempre. ;D

Beto disse...

É muita falta de cultura inutil nao saber que o coracao de galinha é mesmo de galinha!
mais agora voce sabe que nao é uma coincidencia!
;D

Nicole disse...

uashuashuashuash....
adoreeei
nada mais a comentar.
beijo!

oton disse...

aaah agora faz as contas de quantas galinhas nascem nesse tempo ai contando so 1 aviário.