segunda-feira, 15 de setembro de 2008

Sobre o orgulho.

Tem gente que acha que é o orgulho que engrandece. “- Faça o que quiser, mas não se arrependa, pra não correr o risco de parecer fraco.” E pior que ter gente achando, é ter gente acreditando nessa gente que acha isso.
Não se arrepender não é fraqueza, é arrogância. O orgulho – em excesso -, deixa as pessoas mais tolas. Quem não se arrepende, não corre o risco de aprender com os próprios erros. E pior, acaba lutando contra sua própria consciência. Quem não faz alguma coisa digna de arrependimento? Por mais raiva que se tenha – até de si próprio – é incrivelmente mais humano se arrepender e admitir o erro do que se orgulhar até o último minuto, mesmo que se pareça ridículo.
Fraco é quem não ri de si próprio. Quem não encontra a graça dentro de si, nunca vai conseguir encontrar nos outros.

4 comentários:

Julia disse...

É isso aí, Yke!
Concordo plenamente!

Julia disse...

É isso aí, Yke!
Concordo plenamente!

Julia disse...

eu não tive intenção!

Emanuella disse...

Ahh já acabou, que pena! ahaha
Acho que houve uma certa traçada de perfil psicologico ai heein, estáá bem a sua cara esse post, concordo também você esta certissimo, mais não fique se gabando não, ahaha (olha é so pra implicar com voce minhas alfinetadas nos meus comentarios viiu?! não leve a serio!) Tenho que confessar uma coisinha eu adoro essa raça de cachorro, acho muito lindo, ele cheio de charme! ahaha
Estáá otimo esse 'Eco blog', cada vez melhor, continue assim, pois pra mim pelo menos não precisa agradecer as pessoas que comentam, acho que somos nós que temos que lhe agradecer! :D

beeijãão ;*